abril

azul tecido sobre a tarde limpa
abril é um tom de branco em porto alegre
espalhado nas paredes de prédios arruinados
inesperada forma de beleza
tua mão mais branca entre meus dedos
alguma coisa de irrepetível acontece
é o amor que ao fim descalça as luvas
contendo a nova estação em verdes folhas
nada perderemos nada perderemos nada
e teus dedos apertam ligeiros
a plena extensão de minha palma
como um pé infantil que se estende
para ter certeza de onde está o fundo

Anúncios

Sobre pedrogonzaga

Músico, professor, tradutor e azarão da escrita. Ver todos os artigos de pedrogonzaga

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: