erroneamente

erroneamente

tantos versos escritos –
movido por uma inocência tola
não sabia ainda que os versos
darão a ele um reconhecimento
pago em remotos hotéis
entre caipiras de meia idade
famintos por sexo ligeiro
enquanto chamam as esposas

em longos interurbanos
não sabia ainda que os versos
farão dele uma atração circense
a correr num aro de metal
enquanto doutores em títulos
pulverizam o lirismo da terra
seguros em bancadas oficiais
como poderia ele antever
os poemas escritos às pressas
seu estilo tornado fácil e oco
a ponto de adolescentes digitais
poderem citá-lo sem nada perder 
erroneamente
Anúncios

Sobre pedrogonzaga

Músico, professor, tradutor e azarão da escrita. Ver todos os artigos de pedrogonzaga

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: