continuidade da vida

que me importa a continuidade da vida
os genes transmitidos às cegas
o cinismo transmitido às claras

de que serve a ilusão da descendência?
almejas um amparo na velhice?
a certeza de permanecer nos outros?

permanecer?
chamas um nome
um punhado de valores insulsos
um terreno em Xangrilá
a carteira do clube tranchã
de permanência?

descansa em paz, amigo
alguém cuidará de teu cão
ninguém lerá meu Apuleio
ficará na capa o disco do Coltrane
e que importa isso?
se a morte é uma ilusão dos vivos
como pode importar a continuidade da vida?

mas então eu vejo minha sobrinha de quatro anos
o modo como ela aperta os lábios e se concentra
para pintar um bocado de criaturas estranhas
em folhas de papel que distribui sem economia
e tudo o mais deixa de ter qualquer importância.

Quando Alice sorri (ainda que o faça como atriz)
nem mesmo um tolo é capaz de pensar
na continuidade da vida.

para Alice

Anúncios

Sobre pedrogonzaga

Músico, professor, tradutor e azarão da escrita. Ver todos os artigos de pedrogonzaga

2 respostas para “continuidade da vida

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: