Permanência

Em algum dia futuro
alguém libertará meus livros
do jugo de seu mestre
que não mais estará.
Então serei apenas
as marcas esfumaçadas de grafite às margens,
rabiscos privados de sentido para os outros,
a permanência circular das gotas de um café vespertino,
perdidas gotas que tomarão por bolor, por ação do tempo,
as mesmas gotas que meus lábios cheios de vida
deixaram escorrer para a página.

Anúncios

Sobre pedrogonzaga

Músico, professor, tradutor e azarão da escrita. Ver todos os artigos de pedrogonzaga

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: